Institucional

Estádio Orlando Scarpelli

O Estádio Orlando Scarpelli, próprio do Figueirense Futebol Clube, foi inaugurado em 1960 e está localizado no Estreito, bairro mais populoso e de fácil acesso da região metropolitana de Florianópolis, considerada a capital brasileira com melhor qualidade de vida. Os bairros adjacentes ao estádio, na região continental da capital (Abraão, Bom Abrigo, Capoeiras, Coqueiros, Estreito e Itaguaçú) perfazem sozinhos cerca de 12% da população metropolitana. Somados à população da região central e demais bairros da Ilha de Santa Catarina, asseguram uma população circunvizinha equivalente a 35% da região metropolitana.

O Estádio encontra-se a apenas 1 km do Corpo de Bombeiros, Batalhão da Polícia Militar e do Hospital Florianópolis. Desde 1999 vem sendo constantemente reformado e novas instalações foram agregadas ao patrimônio do Clube. Novos vestiários para as divisões de base, alambrados renovados, implantação de catracas eletrônicas com cartões indutivos de acesso, novos banheiros, reforma dos bares, modernização do sistema de iluminação, novas casamatas, colocação de 20 mil cadeiras numeradas em todos os setores, novo gramado com sistema automatizado de irrigação e drenagem, são algumas das obras efetuadas.

Em 2002, o estádio foi eleito pela Revista Placar como o “Caldeirão do Brasil”, ocasião em que atingiu o maior percentual de ocupação dos estádios brasileiros, com 49%.

Em março de 2007, o Diário Lance, referência em cobertura esportiva no país, formou o ranking dos estádios brasileiros de acordo com o caderno de encargos da FIFA. Na oportunidade o Estádio Orlando Scarpelli foi classificado em 10º lugar entre as 24 praças esportivas visitadas, sendo o terceiro melhor estádio particular na avaliação do jornal.

À frente do Scarpelli, apenas a Arena da Baixada (Atlético Paranaense), Beira-Rio (Internacional) e Morumbi (São Paulo), enquanto o Couto Pereira (Coritiba) ganhou a mesma pontuação. Os demais eram públicos: Engenhão (Rio de Janeiro), Maracanã (Rio de Janeiro), Mineirão (Belo Horizonte), Raulino Oliveira (Volta Redonda), Serra Dourada (Goiânia) e Mangueirão (Belém do Pará).

Em 2008, o mesmo Diário Lance voltou a publicar uma nova avaliação dos estádios brasileiros levando em consideração os anseios do torcedor. Na nova aferição, o Estádio Orlando Scarpelli ficou em terceiro lugar com a média de 6,5, perdendo apenas para a Arena da Baixada (6,9) e Engenhão (6,7).

TOUR NO SCARPELLI:

Para conhecer o Estádio Orlando Scarpelli é necessário agendamento prévio pelo telefone: (48) 3878-3987 ou pelo e-mail: memorial@figueirense.com.br

 

O serviço de atendimento é de segunda a sexta-feira – as 09h e às 14h.

 

A duração do tour é de aproximadamente 1h30min.

 

A entrada será pelo portão N°3, na guarita do segurança.

 

O objetivo da visita é conhecer a história do Figueirense e sua atual estrutura esportiva. Por esse motivo vamos apresentá-los o Memorial do Figueirense, as arquibancadas, a capela de Nossa Senhora Aparecida, o vestiário dos jogadores, o túnel de acesso ao campo, o camarote, os bancos reservas, a beira do gramado, a zona mista da imprensa e a loja Figueira Store.

 

Observações:

·         Máximo de 20 pessoas;

·         Sugerimos o uso de calçados confortáveis, pois o tour inclui passagens por escadas e acesso a beira do gramado;

·         Em dias de chuva o tour poderá ser cancelado;

·         Todas as visitas estarão sujeitas a alterações de acordo com a necessidade de treinos fechados ou qualquer outra requisição do estádio pelo Clube;




Parceiros

Marcas que jogam junto com o Furacão

  • Liderança
  • Governo Federal
  • Topper
  • InfoTV
  • Baly
  • BrahmaBrahma